Brasil passa pelo Canadá e se classifica pela primeira vez para as Paraolimpíadas

As canadenses bem que tentaram, mas o Brasil foi superior e ficou com a vaga para as Paraolimpíadas de Londres 2012 pela primeira vez na história da competição. Na semifinal do Parapanamericano Feminino de Vôlei Sentado, no ginásio do Clube de Campo de Mogi das Cruzes, em São Paulo, as brasileiras venceram por 3 a 0 (25/15, 25/20 e 25/19) e enfrentam as americanas, que passaram pela Colômbia, também por 3 a 0 (25/0, 25/0 e 25/1), neste sábado, às 15h, na final do campeonato.

Como as americanas já estavam confirmadas nas Paraolimpíadas, por serem vice-campeães mundiais, o jogo de sábado define apenas quem leva o troféu do Parapanamericano. Ao contrário do primeiro jogo da semifinal, no qual as colombianas conseguiram marcar apenas um ponto, a partida entre Brasil e Canadá levou o público ao delírio.

Com tambores e muitas animação, os torcedores impulsionaram o Brasil e o primeiro set acabou mais fácil do que as brasileiras imaginaram, 25 a 15. Já no segundo período, as canadenses entraram mais atentas e chegaram a abrir cinco pontos de vantagem. Mas o Brasil não desistiu e conseguiu o empate no décimo nono ponto. A partir de então, as canadenses ficaram nervosas e erraram muito, deixando as brasileiras fecharem o set tranquilamente.

No último período, superioridade total do Brasil, que fechou a partida em 25 a 10, e muita festa da torcida. Sem conter as lágrimas, o técnico Ronaldo de Oliveira exaltou o trabalho do auxiliar Alexandre Medeiros e a garra das atletas:

“Em primeiro lugar tenho que agradecer ao Alexandre, que começou esse projeto e levou o Brasil a um parapanamericano quando éramos como a Colômbia agora, um time iniciante. Fico mais feliz por essas mulheres terem conseguido a vaga e mostrarem que uma mulher deficiente pode ter acesso e praticar esporte. Para mulheres é mais difícil, por causa da questão física, mas elas mostraram que é mais do que possível.”

O presidente da Associação Brasileira de Voleibol Paraolímpico (ABVP), Amauri Ribeiro, ressaltou a importância da organização do campeonato no Brasil e da escolha de Mogi das Cruzes para o resultado inédito.

“Em 2007 poderíamos ter conseguido uma vaga, mas ficamos de fora por não termos organizado um campeonato. Esse ano, com a ajuda do Comitê Paraolímpico Brasileiro (CPB), conseguimos organizar o campeonato com muito êxito. Mogi das Cruzes sempre apoia o esporte paraolímpico, e a escolha não poderia ter sido melhor. Agora é trabalhar para as Paraolimpíadas com tranqüilidade”, disse.

A festa foi grande, mas o técnico Ronaldo avisou:

“Amanhã vamos entrar com tudo para ganhar.”

Antes do jogo entre Brasil e Estados Unidos, o Canadá enfrenta a Colômbia na disputa pela medalha de bronze, às 13h.

A seletiva feminina para as Paraolimpíadas de 2012 é organizada pela ABVP, por meio da Organização Mundial de Voleibol para Deficientes (WOVD), com apoio do Comitê Paraolímpico Brasileiro (CPB). A seletiva masculina será entre os dias 12 e 20 de novembro, em Guadalajara, no México.

Seleção Brasileira Feminina:
4 Ádria Jesus da Silva (ADAP)
5 Graciuana Moreira Alves (Adfego)
11 Gabrielle Aparecida Marchi (Adfego)
9 Jani Freitas Batista (ADAP)
10 Janaína (SESI-SP)
2 Ana Paula Araújo (SESI-SP)
1Aderlandi Borges da Silva (SESI-SP)
3 Gizele da Costa Dias (Cepac)
7 Nathalie Filomena de Lima e Silva (SESI-SP)
8 Gislaine Basto Milane Brasil (Assama-PR)

PARAPANAMERICANO FEMININO DE VÔLEI SENTADO
Data: 28/9 a 01/10
Local: Clube de Campo de Mogi das Cruzes – CCMC
R. Duarte de Freitas, 133 – Monte Líbano

Jogos:
28 de setembro
15h – Brasil 3 x 0 Colômbia
17h – Canadá 0 x 3 USA

29 de setembro
9h – Canadá 0 x 3 Brasil
11h – USA 3 x 0 Colômbia
18h – Colômbia 0 x 3 Canadá
20h – Brasil 0 x 3 USA

30 de setembro – Semifinais
18h – USA 3 x 0 Colômbia
20h – Brasil 3 x 0 Canadá