Brasil brilha no Mundial de Para-ciclismo

A delegação brasileira brilhou no Campeonato Mundial de Para-Ciclismo, realizado em Segovia, na Espanha, entre 10 e 12 de junho. Lauro Chaman, com dois ouros e Soelito Gohr, com um bronze foram os destaques.

A primeira medalha de Lauro, da equipe Memorial de Santos, foi na prova de contra-relógio, após completar os 21 quilômetros de percurso em 25min36s, com velocidade média de 49km/h. Nesta mesma prova, João Schwindt foi o quinto e Soelito o décimo.

Lauro também foi ouro na prova de estrada, com percurso de 74 quilômetros. Soelito foi bronze e João finalizou em quinto lugar. “Depois que o ciclismo para-olímpico passou definitivamente para a União Ciclística Internacional, automaticamente a Confederação Brasileira de Ciclismo, por ser a única responsável por todas as disciplinas do esporte, no País, vem juntamente com o Comitê Para-Olímpico Brasileiro, desenvolvendo um trabalho de fortalecimento para a categoria e os resultados já estão aparecendo. Fico feliz por compartilhar a evolução de resultados”, afirmou José Luiz Vasconcellos, presidente da Confederação Brasileira de Ciclismo (CBC).

Fonte: ZDL

Anúncios