Coordenadores técnicos conhecem instalações de Manchester

Pela primeira vez na história do Esporte Paraolímpico, a maior parte das seleções brasileiras fará a aclimatação pré-Paraolimpíadas no país-sede. Visando oferecer a melhor estrutura possível e mais próxima a que os atletas encontrarão nos Jogos de Londres 2012 – 29 de agosto a 9 de setembro –,  o Comitê Paraolímpico Brasileiro (CPB) convocou os coordenadores técnicos de 17 modalidades para conhecerem e avaliarem as instalações esportivas de Manchester, a cidade inglesa escolhida para a concentração dos atletas antes da competição.

Das 20 modalidades que integram o programa das Paraolimpíadas 2012, apenas três farão a aclimatação em países diferentes na Europa, por terem melhor estrutura: hipismo (França), vela adaptada (Espanha) e tiro (a definir).

“Os coordenadores estão se sentindo prestigiados, valorizados. Todos agradeceram e elogiaram o CPB por trabalhar para que os atletas façam a aclimatação no mesmo país onde serão os Jogos. Manchester é a segunda melhor cidade com estrutura de esporte da Grã-Bretanha e nos acolheu muito bem. A cidade está aberta a todas as mudanças que nós acharmos necessárias”, revela o coordenador técnico do CPB, Edilson Rocha Tubiba.

Na visita, cada coordenador vai conhecer e avaliar a instalação onde sua equipe irá treinar. Havendo necessidade, poderão ser solicitadas alterações e adaptações, como mudanças na iluminação, troca de gramado e instalação de rampas. Tudo para garantir que todos tenham a certeza de que seus atletas terão a melhor estrutura e mais próxima possível da que será encontrada em Londres.

“Queremos que todos, ao chegarem a Manchester no mês de agosto de 2012, não tenham nenhuma surpresa”, completa Tubiba.
Para o presidente do CPB, Andrew Parsons, as condições oferecidas pela cidade britânica foram muito boas e as instalações são de altíssimo nível.

“Tenho certeza de que poderemos oferecer o que há de melhor para nossos atletas.”

A delegação brasileira ficará nove dias concentrada em Manchester, seguindo para Londres no dia da abertura da vila paraolímpica. Nos Jogos de Pequim 2008, apenas o atletismo e a natação tiveram período de aclimatação, em Macau. Nas edições anteriores, em Atenas (2004) e Sidney (2000), não houve este trabalho.

“O CPB começou a negociação com Manchester em maio de 2009. Esse processo de aclimatação para as seleções será muito importante para o desenvolvimento do planejamento que nós traçamos, que é buscar o sétimo lugar no quadro geral de medalhas”,  reforça Tubiba.

Fonte: CPB