Parajesc classifica 112 à Paraolimpíada Brasileira

Os 2º Jogos Escolares Paradesportivos de Santa Catarina (Parajesc) encerraram no domingo (1º) com números e desempenhos técnicos surpreendentes. Cento e doze para-atletas catarinenses garantiram índice para participar da Paraolimpíada Escolar Brasileira, que ocorrerá de 26 a 31 de agosto em São Paulo. No ano passado, o Estado foi representado por 65 para-atletas na competição nacional.

“O nível técnico dos Parajesc cresceu muito em relação à edição realizada em 2010. A estrutura oferecida por São Miguel colaborou para esta evolução. Com os Parajesc, muitos para-atletas que ficariam no anonimato estão sendo revelados”, comentou Ademar Silva, coordenador-geral dos Jogos.

Uma das revelações foi o velocista Jadiel Conceição, 17 anos, da equipe de Joinville. Com dois anos de treinamento e especialista nas provas de 300, 1,5 mil metros e 5 mil metros, ele ganhou o ouro nos 100, 300 e mil metros rasos na categoria e assegurou classificação para o nacional.

Outro fator que alavancou o crescimento dos Parajesc foi a capacitação de professores de Educação Física e desportivas do Estado. No ano passado, 45 profissionais foram habilitados. Agora, 79. Pela manhã, eles participavam de cursos de atletismo, bocha, goalball, tênis de mesa, natação e classificação funcional e à tarde tinham noções práticas durante as provas. “Foi muito interessante o curso. O intensivo nos deu a possibilidade de ver como trabalhar com os alunos e também é importante para que possamos identificar novos para-atletas”, observou Paulo Dallavalle, integrador esportivo da SDR de Seara.

“Esses cursilistas são multiplicadores dessa capacitação. Eles são preparados para identificar e treinar novos para-atletas. A tendência é que no ano que vem os Parajesc sejam ainda maiores”, prevê Ademar Silva. Blumenau é um dos municípios que está se organizado para ampliar a delegação. Até então sem um trabalho específico no paradesportivo, o município contratou uma técnica para atuar no segmento.

São Miguel do Oeste volta a ser sede do paradesportismo catarinense de 2 a 8 de junho, quando sediará a sétima edição dos Jogos Abertos Paradesportivos de Santa Catarina.

Fonte – Assessoria de Comunicação – Fundação Catarinense de Esporte (Fesporte)