Verônica Almeida Mauadie e Edênia Garcia falam do primeiro dia em Berlim

As duas nadadoras paraolímpicas brasileiras competiram nesta quinta-feira (28) no Aberto de Berlim de Natação, na Alemanha.

Verônica Mauadie nadou os 50m livres, mas acabou ficando de fora da final. Entretanto, a nadadora comemorou a melhora no tempo em relação ao Aberto Britânico. Na Alemanha, Verônica fez um segundo a menos e nadou a distância em 40 segundos. “Melhorando o tempo nos 50m livre. Não estamos ainda polidas, mas melhorei a marca da Inglaterra de 2 semanas atrás”, revelou Verônica Mauadie.

O objetivo dela é ficar entre as primeiras nos 50m borboleta em Berlim. A prova da classe será amanhã e Verônica espera cravar 39 segundos, três a menos do que o evento de Sheffield (ING). “A competição é muito forte e todos estão bastante preparados aqui,por causa do europeu. Para os paraatletas daqui, o evento é classificado como um Pan”, explicou Verônica.

Edênia Garcia também comemorou o bom desempenho na Alemanha no primeiro dia de competições. A brasileira nadou os 50 livres no evento que é multiclasses, ou seja, quem se aproximar de recordes mundiais vai à final. “Hoje o tempinho de 55:65 só mostra que estamos no equilíbrio e que o trabalho está no caminho certo. Vamos que vamos aos 100m livres e 50 costas amanhã.Renovando as forças no momento e me preparando para rodar duas provas amanhã (sexta).

Supersticiosa, Edênia espera bons resultados. “Detalhe:vi duas borboletas hoje e acho que vem coisa boa por aí. Tomara que a lenda se cumpra” , brinca Edênia.

Segundo a paraatleta, a prova dos 50m livres foi bem disputada e ela conseguiu manter o ritmo até o final.
Anúncios