Ping Pong com Antônio Tenório depois de bronze na Turquia

O tetracampeão paraolímpico Antônio Tenório está satisfeito com o desempenho no Campeonato Mundial de cegos da IBSA (Associação Internacional de Esportes para Cegos, em inglês), em Antalya, na Turquia, em abril deste ano. O brasileiro ficou com a medalha de bronze e garantiu vaga para a Paraolímpiada de Londres/2012. Agora, o foco do judoca será uma medalha no ParaPan de Guadalajara, em novembro. Em entrevista ao Blog Paraolímpicos, Tenório também comentou a saída dele do IBDD.

Veja a entrevista com o único tetracampeão paraolímpico do judô:

Blog Paraolímpicos: Você ficou feliz pelo resultado na Turquia?

Antônio Tenório: Fiquei feliz com meu resultado, que por sinal garantiu minha vaga pra Londres.

Blog Paraolímpicos: Depois da hegemonia na classe, você acha que os adversários estão mais “cascas grossas”?

Antônio Tenório: Hegemonia em Campeonatos Mundiais nunca houve, a Paraolimpíada é meu grande foco.

Blog Paraolímpicos: Quais são principais adversários?

Antônio Tenório: Quanto aos meus adversários, todos são atletas de alto nível competindo na mesma categoria e buscando resultado,por isso todos são grandes adversários.


Blog Paraolímpicos: Competir, no Brasil, com atletas sem deficiência visual,  te ajuda a evoluir?

Antônio Tenório: Competir com atletas videntes me ajuda a evoluir, mas não é o mesmo ritmo.


Blog Paraolímpicos: Como é a sua rotina de treinos?

Antônio Tenório: Agora, depois do mundial voltarei à rotina de treinos, passo a passo até o Parapan e dai começar a sonhar com Londres. Uma rotina diária de seis horas por dia, treino forte.

Blog Paraolímpicos: E o Pan?

Antônio Tenório: A meta é ficar entre os três melhores do Parapan.

Blog Paraolímpicos: A sua saída do IBDD foi decepcionante?
O que aconteceu? Como está de casa nova?

Antônio Tenório: Quanto a saída do clube IBDD, não foi decepcionante, faz parte da vida do atleta, ainda não estou de casa nova pois não assinei o contrato ainda com o Instituto Superar.


Blog Paraolímpicos: De uma maneira geral, faltam investimentos para o judô paraolímpico?

Antônio Tenório: Falando de apoio e patrocínio para o Judô Paraolímpico,não creio que falte apoio, mas sim gestão.

Blog Paraolímpicos: Quais são os novos “Tenórios” no judô brasileiro?

Antônio Tenório: Os resultados obtidos na Turquia, mostram que ainda não existem Tenórios no judô paraolímpico, e creio que vá demorar um tempo pra que isso ocorra.


Blog Paraolímpicos:Londres será sua despedida de paraolimpíadas ou você pensa no hexa no Brasil em 2016?

Antônio Tenório: Se depender do judô, creio que não será a última.

Veja o vídeo da TV LANCE, gravado por Rafael Valesi, do bronze na Turquia