Recordes no atletismo no Circuito em Curitiba

Depois de três anos sem receber uma etapa do Circuito Loterias CAIXA Brasil de Atletismo, Halterofilismo e Natação, Curitiba pôde ver competições de alto nível.  Na manhã deste sábado, 16, nove recordes brasileiros foram derrubados: seis no atletismo e três no halterofilismo.

“É um bom resultado. Estamos vendo muitos jovens atletas, que já conseguiram resultados em competições internacionais de sua faixa etária, quebrando recordes brasileiros”, avalia o técnico da seleção brasileira, Amaury Veríssimo.

Felipe Strebe

Se o bom resultado de Felipe Strebe e Marivana da Nóbrega, que estabeleceram novas marcas nacionais no salto em altura F46 e arremesso de peso F35 respectivamente, já era esperado, o do estreante Flávio Reitz foi uma surpresa.

“Eu esperava até mais”, explica Flávio.

O atleta catarinense saltou a 1m56, superando em 11 cm a marca de Leonardo Rodrigues, estabelecida na etapa regional Norte-Nordeste, em março deste ano.

Flávio começou no atletismo há dois anos – vindo do handball em cadeira de rodas. Em 2009 e 2010 competiu no dardo, disco e peso. Foi a técnica Aline Rita de Barros que o convenceu a ir para o salto. Deu certo. Hoje Flávio estabeleceu a melhor marca do país e promete repetir o feito amanhã, no salto em distância.

“Estou fazendo 3m50 no treino”, justifica.

Flávio Reitz

A meta de Flávio é a mesma de todos competidores desta etapa: conseguir o índice para as etapas nacionais e, lá, brigar por uma vaga no time brasileiro que disputará o Parapanamericano de Guadalajara, em novembro.

“Se eu conseguir fazer o que tenho alcançado no treino, dá”, calcula Flávio.

Anúncios