Reunião debate condições de locais de treinamento para Olimpíadas

Representantes de 60 dos 92 municípios do Rio de Janeiro estiveram na quarta (30) no Maracanãzinho, zona norte do Rio, num encontro com a secretária de Esporte e Lazer do Estado, Márcia Lins, para saber detalhes sobre o cadastramento e a seleção dos locais de treinamento no período que antecederá os Jogos Olímpicos de 2016.

Márcia Lins explicou que o encontro busca uma aproximação com as cidades para conseguir “interiorizar” os Jogos Olímpicos e a Copa do Mundo. “Nosso objetivo é beneficiar o estado como um todo, o Brasil e a América do Sul, abrindo uma porta de comunicação e apoio ao esporte. Por isso, é fundamental envolver o máximo de municípios para esses megaeventos”.

Algumas das principais exigências são: a distância entre o local de treinamento e o aeroporto deve ser de no máximo 150 quilômetros, em entrada pavimentada, e o aeroporto deve oferecer voos regulares. Além disso, a cidade precisa ter locais de hospedagem classificados nas categorias 3, 4 ou 5 estrelas; e o tempo de deslocamento da instalação até hospital deve ser de, no máximo, 30 minutos.

O assessor de esporte do município de Mendes, região Serrana, Márcio Guttierres Moraes, tem a expectativa de divulgar o nome da cidade e, sobretudo, estimular o turismo, uma das principais fontes de renda do município. “Temos condições de receber uma equipe de atletas e ainda contamos com a vantagem de estarmos próximos do Rio, apenas 98 quilômetros de distância”, comentou o assessor.

A secretária Márcia Lins lembrou que todas as cidades do país podem se candidatar a abrigar os atletas para um período de treinamento, aclimatação e concentração antes das Olimpíadas, contanto que atendam os requisitos técnicos e as recomendações das federações internacionais.

“A gente sabe que existem pré-requisitos básicos e que algumas cidades vão poder se habilitar diretamente e outras indiretamente, por meio do turismo e serviços. Esse é o momento de aproveitar as oportunidades e investir na infraestrutura e nos serviços”, completou a secretária.

Os locais de treinamento pré-jogos viabilizam aos atletas de todos os esportes a oportunidade de treinarem no Brasil no período que antecede os Jogos do Rio, em 2016. Os municípios interessados podem se inscrever pelo site oficial até 5 de abril. A lista dos locais aprovados será divulgada em janeiro de 2012 e as cidades devem estar com todas as instalações prontas até julho de 2015.

A secretária de Esportes de Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, Sandra Azevedo, informou que a prefeitura já está providenciando hotéis para o evento e as condições necessárias para receber atletas. Em contrapartida, ela espera receber mais apoio dos governos federal e estadual para a melhoria das instalações esportivas, como a Vila Olímpica, que já existe no município, mas precisa de reformas e ampliação. “Não apenas para servir de área de lazer, já que o local recebe cerca 400 pessoas por dia, como também para incentivar nossos atletas e futuros talentos.”

Da Agência Brasil